fbpx

Independentemente do setor, a transformação digital está em andamento em muitas organizações. Elas vão se adaptando à medida que exploram as oportunidades apresentadas pela tecnologia digital para construir sua marca, se conectar com os clientes e aprimorar os modelos de vendas.

No entanto, existem algumas diferenças de um setor para o outro. A cultura, os sistemas, os processos e até mesmo os recursos de cada setor entram em ação quando se inicia a transformação digital. Como resultado, o ritmo em que cada indústria está mudando é diferente.

Mas por que algumas caminham a passos mais lentos que outras e o que pode ser feito para acelerar esse cenário? Vamos analisar abaixo os impactos das mudanças em cada uma!

Jurídico e tributário

A quantidade de dados confidenciais com as quais os escritórios de advocacia lidam os tornam alvos preferenciais de ataques cibernéticos. O gerenciamento inadequado de dados pode deixá-los vulneráveis a ameaças, incluindo e-mails com phishing, ransomware e violações de dados que trazem riscos adicionais de conformidade.

Com a forte ênfase na proteção de dados pessoais, a conformidade com a LGPD é obrigatória e uma violação de dados pode gerar multas pesadas.

Como um escritório de advocacia, é preciso tomar medidas para eliminar a possibilidade de violação, garantindo que as informações, incluindo dados pessoais, estejam seguras. 

A nuvem é inerentemente segura para dados. A chave é contratar um fornecedor de tecnologia de renome, com armazenamento de arquivos certificado, backup, recuperação e portais de compartilhamento seguros. 

Além disso, se você está trabalhando em um caso ou tentando desenvolver uma estratégia jurídica, coletar e armazenar grandes quantidades de dados pode ser difícil se não estiver auxiliado pelas ferramentas certas.

Os escritórios de advocacia precisam de análise de dados para converter conjuntos de dados coletados em informações valiosas. A complexidade deste processo reduziu substancialmente, graças à IA e ao aprendizado de máquina. A tendência é que o uso da IA ​​nos escritórios de advocacia se expanda para a tomada de decisões.

Saúde e farmacêutica

Tradicionalmente, a indústria farmacêutica e da saúde têm sido um pouco lentas para se adaptar às novas tecnologias. Segundo a McKinsey, quase 40% das empresas farmacêuticas não têm certeza sobre como alinhar a estratégia digital com a jornada de seus clientes.

Mas, com a internet oferecendo informações às pessoas ao toque de um botão, os pacientes se comportam de uma maneira diferente hoje. Dessa forma, a indústria da saúde tem sido obrigada a responder à altura. 

Agora, com o digital na vanguarda de suas estratégias, práticas inovadoras estão ajudando a melhorar a saúde como um todo.

Um exemplo disso é o uso e registro de dados. Com a IoT permitindo a coleta de informações de remédios e pacientes, os dados podem ser agregados e analisados ​​para fornecer informações cruciais para salvar vidas.

Setor financeiro

O desenvolvimento do digital está mudando o setor financeiro de várias maneiras. Tecnologias como computação em nuvem, análise de dados e robótica estão entre as ferramentas digitais mais inovadoras que renovam o núcleo do setor bancário e financeiro.

Agora, o erro humano é menos provável quando o aprendizado de máquina e os robôs assumem parte do controle. As pessoas têm o gerenciamento financeiro na ponta dos dedos e o digital está no centro de todas as interações.

De aplicativos bancários móveis e caixas eletrônicos inteligentes a assistentes virtuais e chatbots, o futuro do setor financeiro e bancário já está rapidamente tomando forma. No entanto, por tratar-se de um setor que lida diretamente com o dinheiro dos outros, a segurança de dados é ainda mais importante.

Mais cedo ou mais tarde, a equipe humana será reduzida ao mínimo no setor bancário. Os robôs não apenas podem fazer o trabalho mais rapidamente, mas também há um amplo consenso de que eles podem oferecer uma experiência de usuário superior.

Quase 80% dos banqueiros pensam que os avanços na IA permitirão aos bancos ofereçam uma “experiência de cliente semelhante à humana”, e 76% acreditam que os robôs liderarão o caminho na interação com o cliente nos próximos três anos.

Essas três indústrias oferecem oportunidades importantes para otimizar o trabalho por meio da tecnologia. Embora os métodos e culturas possam ser diferentes, cada indústria compartilha um objetivo comum: atender o cliente de forma eficiente.

As pessoas têm expectativas que são ditadas pelo acesso generalizado à internet. Eles querem problemas resolvidos sem complicação, produtos entregues mais rapidamente e perguntas respondidas agora.

A transformação digital fornece uma mina de ouro de recursos e ferramentas para atender melhor ao público. Ela permite que as empresas alterem o conceito e as práticas centrais, possibilitando a superação da intensa concorrência de cada indústria.

Gostou do nosso artigo? Quais dificuldades você reconhece no seu segmento para sair da idade da pedra? Converse conosco e vamos trocar ideias!